05 abril 2018

Se você quiser alguém em quem confiar...


"Se você quiser alguém em quem confiar, confie em si mesmo", assim Renato Russo cantava.

Foto: Reprodução Canva
Sempre levei essa frase comigo, acreditando que ela não se tratava apenas sobre a desilusão de uma relação de confiança, mas sim de um incentivo para olharmos para dentro antes de confiar, cuidar ou até mesmo olhar para o outro. 
No entanto, no decorrer da vida as situações vão acontecendo, e acabamos perdendo a medida no meio do caminho e, em diversas situações, a sociedade e a nossa própria jornada nos faz acreditar que olhar para dentro é egoísmo, é mesquinhez. Se sentir assim é natural.
Ocorre que só é capaz de conhecer e engrandecer o mundo aquele que olha para dentro, aquele se conhece ao ponto de respeitar os seus limites e de se fazer importante. Impor seus limites ao outro é um gesto de amor, porque talvez o “não” que é dito por você seja realmente a lição que aquela pessoa precisa aprender.
E está tudo bem em dizer não. Na verdade, está sempre tudo bem. Porque tudo é jornada e engrandecimento. 
Infelizmente, e felizmente, tudo na vida é ciclo: a natureza, o tempo, os dias e nós mesmos. Todos somos feitos de ciclos e apenas nos conhecendo é que entendemos a forma como a nossa roda da vida gira. É assim que mantemos a nossa paz interior mesmo nos momentos difíceis.
Confiar em si mesmo não é ser individualista, não é ser egoísta ou alienado social, é simplesmente se colocar no centro de seu universo particular e dar o papel mais importante da sua própria vida à si mesmo.
Quando se sentir sozinho, perdido ou incapaz, silencie o mundo ao redor e leve a atenção ao seu coração, para que você possa entender o que se passa dentro de você.

Que assim seja.



x

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PÉSSIMA PESSOA
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL